1. Blog
  2. /
  3. Outros
  4. /
  5. Por que deve escolher um Rodapé de Alumínio e como instalar?

Por que deve escolher um Rodapé de Alumínio e como instalar?

Num projeto de construção ou remodelação, todos os detalhes contam. Entre eles, encontram-se os rodapés. Se se questiona “será que são mesmo necessários?” é porque desconhece o rodapé de alumínio e as suas vantagens.

Mas se quer beneficiar com estas estruturas, é preciso que saiba como as instalar da forma correta, cumprindo todas as normas de segurança e todas as etapas recomendadas.

É para ajudar neste processo que hoje lhe apresentamos um guia com os passos a seguir para realizar a colocação do rodapé de alumínio. Além disso, ficará a saber porque é que estas opções podem ser ideais para o seu projeto.
 

O que são Rodapés e para que servem?

Os rodapés fazem parte dos acabamentos de uma casa e são colocados na parte inferior das paredes, paralelamente ao piso.


rodape-aluminio-60mm-odemCarregar na imagem para saber mais

Existem vários tipos de rodapés, como os embutidos, que dispensam saliências e ficam nivelados com a parede, ou os invertidos, que criam um efeito de flutuação da mesma. Contudo, o mais comum é o rodapé convencional, em que a estrutura é sobreposta à parede.

Nem sempre o seu uso é obrigatório, mas quando são instalados servem diversos propósitos, entre os quais:

  • Proteção das paredes contra humidades, danos provocados pelo impacto de objetos e acumulação de sujidade na união com o piso;
  • Dispensa de cuidados de manutenção frequentes nas paredes, pois protegem-nas;
  • Suavidade da transição entre piso e parede, servindo como elo de ligação;
  • Disfarce de falhas que resultam das atividades de construção ou remodelação.

Por último, os rodapés também permitem definir ou complementar a estética do ambiente: os mais trabalhados remetem a um estilo mais clássico e os mais uniformes e retos criam um efeito mais contemporâneo.
 

Qual o melhor tipo de Rodapé?

Além da forma como se colocam na parede e do estilo, os rodapés também podem variar quanto ao seu material, podendo ser de madeira ou poliestireno, por exemplo. A escolha deve ter em consideração o ambiente em que será instalado e o efeito estético pretendido. Porém, existe um tipo de rodapé que pode ser especialmente eficiente – o de alumínio. Porquê?

Fazendo parte dos elementos metálicos, apresenta algumas das características desta matéria, como por exemplo:

  • Elevada durabilidade, mesmo em contacto com grandes níveis de humidade, suportando assim rotinas de limpeza e podendo ser instalados no exterior;
  • Alta resistência ao impacto, corrosão, oxidação, alterações de temperatura e a produtos químicos, dispensando grandes cuidados de manutenção;
  • Versatilidade, integrando-se com facilidade em qualquer ambiente;
  • Ductilidade e maleabilidade, permitindo o corte, se necessário, para cobrir diferentes áreas;
  • Facilidade de limpeza, contribuindo para economizar tempo;
  • Aspeto elegante graças à tonalidade cinzenta, podendo também contar com acabamentos sofisticados (satinados ou brilhantes).
     

Aprenda a instalar Rodapés de Alumínio sem erros

Sabendo que o modelo convencional, em que o rodapé se sobrepõe à parede, é o mais frequente, a explicação do processo de instalação que partilhamos é referente ao mesmo.


rodape-aluminio-odemCarregar na imagem para saber mais

Apesar de a estrutura poder ser fixada, a técnica de colagem é a mais adequada para quem pretende lançar-se ao trabalho sem ajuda profissional. Isto é possível pois o processo, de modo geral, é bastante simples, desde que cumpra as orientações do fabricante e as regras de segurança.

Veja agora o que precisa de saber e fazer para instalar o seu rodapé de alumínio.
 

1. Materiais necessários

  • Rodapé (os metros necessários para cobrir toda a área pretendida);
  • Martelo;
  • Espátula;
  • Fita métrica;
  • Lápis;
  • Serra de corte para o rodapé e óculos de proteção;
  • Cola própria;
  • Esponja de limpeza.
     

2. Cuidados pós-instalação

Se se tratar de um projeto de substituição de rodapés, é necessário, primeiro, remover a estrutura antiga. Deve usar a espátula e o martelo para o desencaixar, sempre com cuidado de forma a preservar o bom estado da parede.

Antes de passar para a instalação, deve ainda realizar todas as medições, marcando-as com um lápis, e proceder aos cortes necessários para que o rodapé se adapte ao espaço pretendido. Lembre-se também de certificar que a superfície onde será instalado está livre de resíduos, assim como de limpar a própria estrutura.

Por último, pode fazer uma espécie de simulação da colocação, dispondo as peças do rodapé no local onde serão coladas para evitar erros de medição.
 

3. Processo de colocação do Rodapé

No que refere à instalação, siga os seguintes passos:

  • Depois de limpo, aplicar a cola em ziguezague na parte do rodapé que ficará em contacto com a parede;
  • Encostar a estrutura na parede, começando pela parte inferior;
  • Pressionar o rodapé para facilitar a colagem e respeitar o tempo necessário até à fixação total, que depende da cola utilizada;
  • Retirar os excessos de cola com a espátula ou com a esponja de limpeza.
     

Encontre o Rodapé de Alumínio certo com os conselhos da ODEM

Já sabe que estas estruturas têm muitos benefícios e conhece o método de instalação. Agora, é hora de escolher um modelo de qualidade, adequado ao que procura.

A ODEM disponibiliza várias opções destes rodapés, como o rodapé de alumínio 60mm, que promete um desempenho eficiente, durável e adaptável a todos os espaços, sendo que está disponível noutras medidas.

Pode ainda contar com aconselhamento personalizado, permitindo-lhe fazer a escolha certa e conseguir o resultado que deseja.

Ver Rodapés